sábado, 29 de agosto de 2015

LÍNGUA - É PARA ORAR OU FOFOCAR?

Olá pessoal, segue o post de hoje. Espero que possa realmente edificar a sua vida! Leia e comente =) 



Assim também a língua é um pequeno membro, e gloria-se de grandes coisas. Vede quão grande bosque um pequeno fogo incendeia. Tiago 3:5



Umas das situações que mais acontecem quando juntamos muitas pessoas em um local para fazer alguma coisa é a fofoca, é a interpretação errada de uma situação, é o julgamento, entre diversas situações de relações interpessoais. Não iria ser diferente na igreja, pois estamos falando de pessoas que estão em processo de aprendizagem e que estão aos poucos mudando a sua vida. Nesse ponto que ver com vocês alguns tópicos sobre a língua, que assim como Thiago disse em sua carta é um pequeno membro, mas pode causar grandes estragos. 

1º Cuidado com que fala: “De uma mesma boca procede bênção e maldição. Meus irmãos, não convém que isto se faça assim. Tiago 3:10” Nossa boca assim como nossas atitudes devem testemunha de Jesus Cristo, o quem tem saído de sua boca? Saiba que a boca fala do que o coração esta cheio.

2º Podemos usar o nome de Jesus: “Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome; Filipenses 2:9” O nome de Jesus é muito poderoso, sulficente para fazer milagres, para curar, sarar, libertar, transformar vidas, então não fale alguma coisa em seu nome em vão. O que quero dizer, não vá fazer uma “fofoca santa” ou algo do gênero, dizendo que esta fazer pelo nome de Jesus, ou por causa do reino, pense bem e veja a intenção do seu coração.

Claro que há situações que você deverá avisar o seu Pastor, ou conversar com alguém para orarem juntos por uma pessoa, mas lembre-se não vá usar o nome de Jesus para justificar um falha sua ou sua má intenção.

3º Fofocar? O que vai revelar se uma conversa é uma fofoca ou você realmente quer ajudar alguém é a intenção do coração. Em seu coração você saberá se realmente a intenção é de  ajudar ou não a pessoa, ou se é para fazer o circo pegar fogo. 

Cuidado. Segue uma dica, se pergunte antes de ouvir ou falar algo de alguém, essas quatros perguntas: 
1) Realmente preciso saber disso? 
2)  O que isso se relaciona com a minha vida? 
3) Eu posso ajudar a pessoas? Vou realmente orar? 
4) Se a pessoal ouvisse a conversa, ela iria gostar?

Quando o coração está em Deus, você vai poder até um último caso falar de alguém, mas será com proposito, uma demonstração de preocupação, de amor, de cuidado, e só fará isso como uma autoridade sobre a vida da pessoa. 

Não torne a boa intenção em justificativa para falar mal ou espalhar notícias. E LEMBRE-SE, ORAR É EM SECRETO, LOGO NÃO PRECISA TODOS SABEREM. Que Deus possa abençoar seu dia, e seja um filho de Deus, se manifestando com amor.

Wellington Dias de Paula
God Bless U

0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou disso?

Tecnologia do Blogger.