sábado, 9 de maio de 2015

Equilíbrio

Olá Pessoal. Segue meu texto para reflexão durante a sua semana =)





Se alguém se considera religioso, mas não refreia a sua língua, engana-se a si mesmo. Sua religião não tem valor algum! A religião que Deus, o nosso Pai aceita como pura e imaculada é esta: cuidar dos órfãos e das viúvas em suas dificuldades e não se deixar corromper pelo mundo.
Tiago 1:26,27


Certa vez, há muito tempo atrás em uma célula em minha igreja, meu líder chegou para mim e falou que Deus tinha dado uma palavra para minha vida, e essa palavra era equilíbrio. Por tempos fiquei pensando no que significa aquela palavra e sua aplicação na minha vida como cristão. E digo a vocês até hoje ela ainda faz total sentido para minha vida. Contudo, quero abordar essa mesma palavra sobre algo que tenho visto muito nas redes sociais, que é o conflito entre o dizer e o ser, ou seja, FALAR X VIVER.

Pois do que há em abundância no coração, disso fala a boca. 
Mateus 12:34b

Diversas vezes vejo pessoas falando sobre o quanto é importante demonstrar suas ações através de suas atitudes, ou até mesmo usando a famosa frase, cujo a autoria foi dada Francisco de Assis: “Pregue o Evangelho em todo tempo. Se necessário, use palavras.”. Entretanto, vejo na verdade pessoas tentando esconder a sua natureza cristã, forçando de todas as formas que as pessoas em sua volta descubram, meio que por um milagre, que ela é de Jesus. Ou uma cobrança extrema em cima dos Cristãos buscando que os mesmos tenham atitudes perfeitas em todo o seu tempo. Quem nunca pisou na bola, e não veio a famosa frase: Mas você não é crente? Devemos ser radicais com o pecado, excluir ele das nossas vidas para sempre. Porém temos que entender que ser santo não é ser aquela pessoa que fala palavras difíceis, ou parece que anda em um nuvem e é intocável, muitos mais ser santo é por em prática aquilo que se aprende com a palavra de Deus, aos poucos, aprendendo e vivendo. Errando, porém sabendo se arrepender e pedir perdão. Estar em todo tempo melhorando aos poucos, ter um coração na vontade de Deus.

“Estou convencido de que aquele que começou boa obra em vocês, vai completá-la até o dia de Cristo Jesus.” Filipenses 1:6

Por um lado, as nossas atitudes tem muito efeito quando se trata de influenciar e manifestar o reino de Deus. Em João 14:23, Jesus disse: “Se alguém me ama, guardará a minha palavra. Meu Pai o amará, nós viremos a ele e faremos nele morada.” Isso é, para podermos ter uma vida em que manifestamos a Jesus, temos que agir como alguém que obedece a Deus, que busca viver e guardar os seus mandamentos, isso é ter atitudes. Por outro lado, viver uma vida em que nossa boca não confessa Jesus, dificulta a manifestação do reino de Deus. Conforme em Romanos 10:9, “se você confessar com a sua boca que Jesus é Senhor e crer em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo." Confessar, falar com a boca, anunciar o evangelho. As pessoas só vão conhecer a palavra de Deus, quando você proclamar o evangelho com sua boca. Sò as atitudes não basta, como também somente falar também não. Temos que ter atitudes, pautadas pelas nossas palavras, um complementando outro.


Assim como o corpo sem espírito está morto, também a fé sem obras está morta.
Tiago 2:26


Se somente tivermos atitudes sem anunciar Jesus com a boca, seremos agentes secretos do reino. E se falarmos muito e agirmos pouco, seremos hipócritas. O segredo está no equilíbrio, viver e falar do amor de Jesus. E saber quando falar e quando agir, sendo guiados pelo Espirito Santo. Em meio a um mundo no qual as pessoas estão cada vez mais extremistas e desequilibradas, precisamos ser uma geração equilibrada em Deus, que sabe o momento de orar e ter uma ação, ter fé e fazer uma obra, de ter atitudes e de anunciar a Jesus.

Wellington Dias de Paula
God Bless U


0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou disso?

Tecnologia do Blogger.