quinta-feira, 5 de março de 2015

Parecido com o que não parece

O que está acontecendo com as pessoas?

Observo um mundo cheio de pessoas, principalmente os jovens, que se esforçam muito para deixar propositalmente a impressão de que não se importam com nada.

Perceba os que penteiam seus cabelos para deixarem a impressão de que não o pentearam, para não serem taxados de "engomadinho"
Perceba os que aparam sua barba para deixarem a impressão de que não a apararam.
Perceba os que compram roupas novas para deixarem a impressão de que são velhas, mas são de marca. 
Perceba os que estudam mas querem deixar a impressão de que não estudam tanto assim para não serem chamados de "nerd".

E quantos amam, mas preferem deixar a impressão de que não amam tanto assim?
E quantos se santificam, mas se preocupam em deixar a impressão de que não são tão santarrões assim?
É como se o que é justo, santo, puro e verdadeiro estivesse completamente fora de moda. Essas práticas tem facilmente permeado a cultura cristã, como se Filipenses 4.8 caísse em desuso. Verdadeiramente vivemos numa época onde se impera a inversão de valores.

Tudo o que é correto, organizado ou simétrico está caindo no ostracismo. Os termos mais comuns, principalmente entre os jovens cristãos, são "pega nada", "nada a vê", "isso é suave". Isso não é suave, na verdade isso é muito grave!!

Deus nos perdoe por pedir em orações fervorosas para nos fazer iguais a Cristo, mas rejeitar todas as ações do Espírito Santo em nos corrigir e nos moldar à maneira Dele. Passou da hora de sermos cristãos que não querem se parecer com um.

Precisamos deixar de lado a excessiva preocupação com as aparências e permitir o Espírito Santo moldar em nosso caráter o que Ele quer que seja evidenciado.


0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou disso?

Tecnologia do Blogger.