sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Papo 100 Censura #24 - Série Pecados Capitais - Luxúria



       Bom dia caros amigos da Coluna Papo 100 Censura do blog o Jovem e o Mundo! Hoje estamos encerrando nossa série sobre os sete pecados capitais e encerramos estas postagens com a Luxúria.
      
      A esta altura do campeonato você, leitor que é muito inteligente já conseguiu entender a razão destes pecados ou sentimentos estarem reunidos todos no mesmo grupo: eles são portais que podem nos transportar para vários outros pecados. São portas de entrada para outros pecados e por esta razão são tão perigosos. Ao longo dos últimos sete posts de nossa coluna você viu diversos casos de como o inimigo pode usar uma fraqueza para transformar em um abismo em nossas vidas se permitirmos e também antídotos contra estes problemas.
     Deixamos a luxúria por último pois este é um sentimento que está de maneira muito profunda inserido na cultura brasileira. Com nosso litoral continental e clima tropical (desde que você não more em Curitiba!!!!!) a sensualidade estampada nos comerciais de TV, nos programas televisivos e outdoors espalhados e em especial ao Carnaval brasileiro que mostra ao mundo inteiro que temos em nosso país a sensualidade que eles não encontram em seus países de origem.

     Ainda no contexto da cultura, ou quem sabe a falta dela, as músicas de maior sucesso nas paradas, são aquelas que falam de sensualidade e porque não dizer da luxúria que é celebrada em nossos dias como sinal de poder. O que está sendo inserido no subconsciente de nossas crianças e adolescentes? 
Certa vez me perguntaram o que eu achava sobre um cristão ouvir músicas seculares. Respondi que existem músicas seculares com letras muito profundas e melodias maravilhosas que valem a pena ser ouvidas e que em minha opinião, toda a música toca na alma daquele que a escuta gerando um sentimento decorrente deste contato emocional. Por isso prefiro canções que levem minha alma a pensar nas coisas do alto do que em outras mensagens que possam estar embutidas em melodias que grudam na sua mente. Gostaria de citar um exemplo deste tipo de canção, tirando a letra a cantora expondo seu corpo como carne nas telas de TV, você pode fazer uma análise mais fria do conteúdo. Nada contra quem gosta e curte a cantora em questão, a qual não será citada para preservarmos sua identidade, mas nesta letra em questão, existe uma clara alusão a existência de um Poder que apenas aquelas que fizerem determinadas coisas como "Descer e Rebolar" podem alcançar. A letra fala de que este comportamento causa inveja naquelas que não possuem tal habilidade e deveriam ser copiadas para serem inseridas em determinados grupos. Sem mais delongas, a letra como a gravadora disponibilizou:

Prepara, que agora é a hora
Do show das poderosas
Que descem e rebolam
Afrontam as fogosas
Só as que incomodam
Expulsam as invejosas
Que ficam de cara quando toca
Prepara
Se não tá mais à vontade, sai por onde entrei
Quando começo a dançar, eu te enlouqueço, eu sei
Meu exército é pesado, e a gente tem poder
Ameaça coisas do tipo: Você!Vai!
Solta o som, que é pra me ver dançando
Até você vai ficar babando
Para o baile pra me ver dançando
Chama atenção à toa
Perde a linha, fica louca

Após esta leitura bastante edificante, gostaria de ressaltar alguns pontos:

1)Como este exemplo, existem milhares e milhares de outras músicas tão ou muito mais explícitas  que indicam uma espécie de Cultura da Luxúria em nosso país em especial;

2)Realmente existe um poder nas pessoas que usam a sexualidade para conseguirem o que querem, porém é um poder demoníaco e uma Potestade que atuou no Antigo Testamento e ainda hoje atua. Jezabel foi a esposa do rei Acabe que o pressionou a prestar culto para os deuses dos sidônios:

Ele não apenas achou que não tinha importância cometer os pecados de Jeroboão, filho de Nebate, mas também se casou com Jezabel, filha de Etbaal, rei dos sidônios, e passou a prestar culto a Baal e adorá-lo. 1 Reis 16:31

    O culto sidônio possuía prostituição ritual que quer dizer que haviam sacerdotes e sacerdotisas que mantinham relações sexuais no templo com os fiéis como sacrifício aos deuses.

 Ela dominou sexualmente seu esposo e iniciou o genocídio dos profetas do Senhor durante este reinado.

    Enquanto Jezabel estava eliminando os profetas do Senhor, Obadias reuniu cem profetas e os escondeu em duas cavernas, cinquenta em cada uma, e lhes forneceu comida e água. 1 Reis 18:4

Mesmo após a sua morte, podemos verificar que este comportamento ainda existe como relatado no livro da Revelação, o Apocalipse:

   No entanto, contra você tenho isto: você tolera Jezabel, aquela mulher que se diz profetisa. Com os seus ensinos, ela induz os meus servos à imoralidade sexual e a comerem alimentos sacrificados aos ídolos. Apocalipse 2:20

Por esta razão, a sensualidade, a lascívia, a imoralidade, a luxúria, a prostituição, a fornicação, todos comportamentos muito bem aceitos em nossa sociedade, são tratados de maneira duríssima pela Palavra de Deus, tanto no Antigo, quanto no Novo Testamento:

Assim darei um basta à lascívia e à prostituição que você começou no Egito. Você deixará de olhar com desejo para essas coisas e não se lembrará mais do Egito. Ezequiel 23:27

Eles a tratarão com ódio e levarão embora tudo aquilo pelo que você trabalhou. Eles a deixarão despida e nua, e a vergonha de sua prostituição será exposta. Sua lascívia e sua promiscuidade Ezequiel 23:29

Tenho visto os seus atos repugnantes os seus adultérios, os seus relinchos, a sua prostituição desavergonhada sobre as colinas e nos campos. Ai de você, Jerusalém! Até quando você continuará impura? " Jeremias 13:27

Mesmo quando acaba a bebida, eles continuam em sua prostituição; seus governantes amam profundamente os caminhos vergonhosos. Oséias 4:18

Por toda parte se ouve que há imoralidade entre vocês, imoralidade que não ocorre nem entre os pagãos, a ponto de alguém de vocês possuir a mulher de seu pai. 1 Coríntios 5:1    

       Você pode me perguntar: ah Eduardo, com certeza as pessoas ouvem as músicas, dançam nas baladas, assistem aos filmes, a imoralidade das novelas e isso permanece apenas no entretenimento, é apenas para o pessoal extravasar o estresse! Se esta afirmação fosse verdadeira, não teríamos ainda taxas altíssimas de adolescentes grávidas em nosso país, onde crianças tem que cuidar de outras crianças com os pais, fugindo da responsabilidade de criar seu filho. Todos os anos nos locais onde o Carnaval é mais forte e famoso, no mês de novembro nascem os filhos do "amor de carnaval" que o relacionamento propício de alguns dias de liberação sexual causam nestas crianças que não tem culpa de nada, mas que poderão reproduzir este comportamento, perpetuando assim por gerações esta prática.

        Desta forma, como nação, devemos orar e repreender o espírito de luxúria que paira sobre nossa cultura, cuidar com aquilo que nossos filhos e crianças assistem e ouvem e navegam, e buscar a Mente de Cristo, para que a sensualidade esteja restrita ao seu relacionamento conjugal. Porque colocar na vitrine para todos seu bem mais precioso? Pela lei da oferta e da procura, quanto maior a oferta de alguma coisa, menos o seu preço, e quanto menor a oferta, maior é o seu preço. Se você caro amigo ou amiga não entende porque só aparecem tralhas na sua vida amorosa, pense um pouco em como anda a oferta e procura de sua vida amorosa... De tudo o que se deve guardar, guarde seu coração, pois é dele que procedem as fontes de vida!

Tenha o melhor final de semana de sua vida@!

Pastor Eduardo Medeiros
 

0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou disso?

Tecnologia do Blogger.