sábado, 31 de janeiro de 2015

Comunhão com Jesus, em meio a tempestade

 Olá pessoal, como vocês estão? Espero que bem, que vocês possam ter um sábado abençoado =)

Então, essa semana em Curitiba houve uma grande paralisação dos motoristas e cobradores de ônibus do transporte coletivo, porém na quinta-feira, quando retornei a utilizar o transporte, após a greve, tive uma bela surpresa pela manhã, no ônibus que peguei havia uma missionária chamada Raquel, mesmo de manhã em um ônibus lotado, ela não teve medo e fez a entrega de panfletos que falavam do amor de Cristo. Nesse momento tirei meu fone de ouvido, e ouvi ela testemunhar sobre o que Jesus tinha feito na sua vida, e no papel que ela me dera continha a palavra de Deus, levando todos a refletirem, para onde estamos levando a nossa vida indo? (Detalhe vi varias pessoas do ônibus lendo o conteúdo e consequentemente ouvindo a palavra de Deus)



Ela pregava sobre o amor e o Reino de Deus! Para uns pode parecer estranho e ridículo, incomodar as pessoas, mas em um mundo que está entrando em situação de caos, pregar a palavra tem que ser em todo tempo! As pessoas necessitam de Deus! Nisso o Senhor me levou a seguinte passagem bíblica: 

“E, entrando ele no barco, seus discípulos o seguiram; E eis que no mar se levantou uma tempestade, tão grande que o barco era coberto pelas ondas; ele, porém, estava dormindo. E os seus discípulos, aproximando-se, o despertaram, dizendo: Senhor, salva-nos! que perecemos. E ele disse-lhes: Por que temeis, homens de pouca fé? Então, levantando-se, repreendeu os ventos e o mar, e seguiu-se uma grande bonança. E aqueles homens se maravilharam, dizendo: Que homem é este, que até os ventos e o mar lhe obedecem?”
Mateus 8:23-27

Aquela missionária contou que era um moradora de rua, e testemunhou em meio a todos os desconhecidos sobre o quando Deus ajudou ela a ser uma nova pessoa, e que Jesus salva, através de uma vida de Comunhão com Deus! Quando ligamos os jornais, vemos claramente um mundo em crise, com falta de água, ameaças de greves, corrupção no governo, aumento dos preços e redução do salário dos mais pobres, sendo essa a as tempestades na vida de muitas pessoas, porém em meio a esse mundo caótico, e mesmo sabendo que a situação do transporte estava difícil, e provavelmente ele poderia encontrar alguém irritado, essa mulher não quis reclamar do ônibus lotado, ou de qualquer outra coisa, mas pelo contrário, ela chamou o Reino de Deus no local onde ela estava presente. 

Os discípulos estavam muito preocupados com as tempestades em sua volta e acabaram esquecendo de quem estava dentro do barco, que era Jesus, assim acontece muito conosco, que acabamos fazendo que bem os discípulos, e ficamos reclamando e ficando desesperados por causa das tempestades. Temos que ter paz em meio a tempestade, não por que temos força em nossas capacidades, mas como aquela missionária disse, pois podemos ter comunhão com Deus. Que você possa refletir, como está sua comunhão com Jesus e para onde você está indo, para o caminho do Reino, tendo paz e confiança em Jesus no meio da tempestade ou se deixando ir pelas ondas das tempestades da vida?

Wellington Dias de Paula
God Bless U

1 comentários:

Jean Correa disse...

Estamos preocupados demais com a tempestade. Ou com nosso emprego. Ou com nossa faculdade. Ou com nosso namoro/casamento. Enfim, a vida coloca um monte de coisas no nosso caminho que nos fazem perder a atenção em Deus. E quando não estamos olhando pra Deus, fica muito difícil anunciar o Evangelho. Que Deus tenha misericórdia de nós.

Oi, eu sou o Jean Correa, administrador do Blog Prosa de Crente (www.prosadecrente.com). Estava em minhas andanças no Google vim parar aqui. Excelente blog!

Deus abençoe vocês!

Postar um comentário

O que você achou disso?

Tecnologia do Blogger.