quarta-feira, 12 de novembro de 2014

NÃO CULPE A DEUS


Nós, na grande maioria, somos assim:

Sonhamos
Planejamos
Nos esforçamos
Colocamos em prática
e...

Queremos o resultado, lógico. Afinal, foi uma grande caminhada do sonho a realização. Muito esforço, muita dedicação.
Mas e se, depois de toda essa trajetória, como num abrir e fechar de olhos, PUUFF.. não dá certo? A vontade é de jogar tudo para o alto, chutar o balde, o cachorro e tudo o que estiver na frente? Pois é. Isso aconteceu comigo diversas vezes. Não somente com estudos, mas em muitas outras áreas da minha vida.

As vezes estamos ali batendo sempre na mesma tecla. Tentamos algo e não dá certo, depois tentamos novamente e novamente e sempre nos frustramos. Já parou para pensar o por que disso? Será que quando temos um sonho entregamos nas mãos de Deus e torcemos para que o desejo de Deus seja também este, mas, se não for, que a Vontade Dele prevaleça? Ou culpamos a Deus por tudo de ruim que acontece?


Se você terminou um namoro NÃO CULPE A DEUS.
Se foi desiludido NÃO CULPE A DEUS.
Se não foi aprovado em algo NÃO CULPE A DEUS.
Se as coisas não saíram do jeito que você queria NÃO CULPE A DEUS.

O teu sonho pode ser também o Dele para você, mas não quer dizer que ele deve ser realizado no tempo que VOCÊ quer que ele se realize. Não tente prensar Deus na parede e exigir que Ele te dê, pois afinal, Ele te prometeu. Não! Tudo tem o seu tempo determinado, tudo. E se você tentar adiantar as coisas, elas não darão certo.

(Ler Eclesiastes cap. 3)

Eu já tive que renunciar muitas coisas para não fugir do projeto de Deus, mas todas valeram a pena. Não foi fácil, mas foi preciso e sei que Deus, no tempo dEle, vai me honrar por isso.

Quem sabe, tudo está dando errado porque você está tentando fazer do SEU JEITO.  Experimente pedir a ajuda de Deus. Renuncie aquilo que for preciso por amor a Ele. Renuncie os prazeres da carne, a mentira, as brigas, as acusações, e também as suas vontades.


Entregue o seu caminho ao Senhor; confie nele, e ele agirá: 

Salmos 37:5


Precisamos morrer todos os dias. Morto não reclama, morto não dá opiniões de como Deus deve agir, morto não dá piti quando as coisas não saem do jeito que ele queria, morto não culpa a Deus. Se Cristo vive em nós, precisamos estar mortos para nós mesmos.
Renuncie o que for preciso, mas sem  a intenção que esse algo volte para você. Abra mão. Entregue a Deus, se a Vontade Dele for te devolver um dia, amém!... se não for, amém também.
Fácil não é, mas se você estiver disposto, Deus pode lhe ajudar.
E então você vai experimentar como é viver na dependência do Pai.


Deus abençoe!






0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou disso?

Tecnologia do Blogger.