sábado, 4 de outubro de 2014

A MANIFESTAÇÃO DOS FILHOS DE DEUS

“O próprio Espírito testemunha ao nosso espírito que somos filhos de Deus. Se somos filhos, então somos herdeiros; herdeiros de Deus e co-herdeiros com Cristo, se de fato participamos dos seus sofrimentos, para que também participemos da sua glória. Considero que os nossos sofrimentos atuais não podem ser comparados com a glória que em nós será revelada. A natureza criada aguarda, com grande expectativa, que os filhos de Deus sejam revelados. Pois ela foi submetida à futilidade, não pela sua própria escolha, mas por causa da vontade daquele que a sujeitou, na esperança.” 
Romanos 8:16-20






Uma dos versículos que mais me impacta na bíblia é esse:  “A natureza criada aguarda, com grande expectativa, que os filhos de Deus sejam revelados”, esse versículo me faz refletir muito no que como Cristão fazemos para levar o amor e o perdão que temos através de Jesus para as pessoas que estão longe de Deus? 
A bíblia é clara, e podemos entender que a criação são todos aqueles que não tem Jesus como seu Senhor e Salvador, e eles esperam que nós como Filhos de Deus manifestemos o amor de Jesus, para gerar a liberdade, pois eles “ foi submetida à futilidade, não pela sua própria escolha”. Porém o que eu e você temos feito para falar de Jesus? Quais tem sidos nossa justificativas para não sermos luz e sal nessa terra?


"Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte.”
Mateus 5:14


A partir do momento que temos Jesus em nossos corações começamos a ser luz em um mundo cheio de trevas, isso significa que somos representantes de Cristo nesse mundo, sempre prontos a deixar a luz de Cristo brilhar em nossas vidas. Ou seja, como está em Marcos 16:15: "Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas”. Somos evangelistas prontos a pregar o evangelho a quem for necessário, rico ou pobre, doente ou não, homem ou mulher! Lembrando que a mensagem principal da cruz é reconciliação de Deus com o homem, reconstrução da comunhão que Adão quebrou no Jardim do Éden ao gerar o primeiro pecado e Jesus reconstruiu ao levar na Cruz nossos pecados. 
Porém existe atualmente uma forte onda no meio Evangélico que afirma que devemos pregar com as atitudes, que as palavras só devem ser utilizadas quando necessário, ou utilizam de uma frase de Francisco de Assis, que fala o seguinte:”Pregue o Evangelho em todo tempo. Se necessário, use palavras.”, assim quero mostrar alguns versículos:


"Jesus foi por toda a Galiléia, ensinando nas sinagogas deles, pregando as boas novas do Reino e curando todas as enfermidades e doenças entre o povo."
Mateus 4:23

"Jesus ia passando por todas as cidades e povoados, ensinando nas sinagogas, pregando as boas novas do Reino e curando todas as enfermidades e doenças."
Mateus 9:35

"Assim, eles saíram e foram pelos povoados, pregando o evangelho e fazendo curas por toda parte."
Lucas 9:6

"(...) desde que continuem alicerçados e firmes na fé, sem se afastarem da esperança do evangelho, que vocês ouviram e que tem sido proclamado a todos os que estão debaixo do céu. Esse é o evangelho do qual eu, Paulo, me tornei ministro."
Colossenses 1:23

"Contudo, quando prego o evangelho, não posso me orgulhar, pois me é imposta a necessidade de pregar. Ai de mim se não pregar o evangelho!"
1 Coríntios 9:16


Esses são só alguns versículos que demonstram que É NECESSÁRIO usar as palavras para pregar o evangelho, essa visão errada que só as atitudes são o suficiente para levar o evangelho é muito estranha, Jesus sendo o maior exemplo de atitude de todos os tempos, em todo momento pregava usando as palavras, sendo através de um sermão ou em de uma parábola.  "Raça de víboras, como podem vocês, que são maus, dizer coisas boas? Pois a boca fala do que está cheio o coração." Mateus 12:34 Logo vamos falar sempre do que está em nossos corações, de forma que se o Espirito Santo enche nossas vidas, falar de Deus através da nossas atitudes ou em palavras será natural.

A criação aguarda que você se levante e se manifeste como um Filho de Deus, e anuncie a liberdade das boas novas do Reino de Deus. Pense um pouco, suas atitudes podem ser um bom exemplo a ser seguido, mas ninguém deve ser adivinho para saber de Jesus e das suas maravilhas sem ouvir ou ler sobre isso, não tenha vergonha de declarar Jesus com a sua boca, se posicione por inteiro como Cristão. 


"Quem, pois, me confessar diante dos homens, eu também o confessarei diante do meu Pai que está nos céus. Mateus 10:32


Wellington Dias de Paula
God Bless You












0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou disso?

Tecnologia do Blogger.