terça-feira, 25 de março de 2014

BRAÇOS QUEBRADOS - #8 IRMÃO !



Galera, bom dia, boa tarde, boa noite ! A paz do Senhor !

Mais uma vez compartilho com vocês as experiências que tenho vivido e aprendido com o meu tratamento. O assunto de hoje é a importância de seu irmão.

Durante 2 meses convivi com dores, incômodos e dificuldades para realizar coisas muito simples; em muitas madrugadas em claro, sentia muita dor no braço e para que a dor fosse amenizada acordava meu irmão no meio da noite e pedia para que ele me auxiliasse a tirar a tala, trocar os curativos e depois coloca-la novamente.

Precisei contar e muito com o meu irmão durante o processo de estar com meu braço quebrado, e aprendi novamente o valor da palavra irmão, não o irmão de sangue, de pai e mãe; mas sim nossos irmãos em Cristo, irmãos que por muitas vezes congregam conosco e não sabemos nada da vida deles, irmãos que passam desapercebidos por nós culto após culto.

Percebi que em momentos difíceis precisamos contar com nossos irmãos, o laço que nos une é muito mais forte que um simples DNA, somos irmãos unidos por sangue inocente na cruz do calvário. Vejo uma igreja lotada de irmãos que mal se falam, não se conhecem, que não ligam para as necessidades um do outro, que muitas das vezes nem se gostam.

Precisamos mudar nosso relacionamento com nossos irmãos.

Paulo valorizava muito seus relacionamentos, você percebe que carta após carta ele envia mensagens de bom animo a igrejas e em muitas ocasiões a irmãos específicos que mesmo ele sendo tão importante nãos os deixava de lado.

Em uma de suas viagens missionarias, ele chega a até a cidade em que seu irmão Tito deveria estar ali para o receber; vendo Paulo que seu irmão não estava ali, cancela tudo e vai em busca de seu irmão.

Paulo sabia o valor de sermos irmãos em Cristo Jesus, nos dias de hoje a palavra irmão perdeu valor e se tornou apenas mais uma das gírias gospel “Paz ae irmão”.
Que possamos voltar a conhecer nossos irmãos.

Até a próxima !

Halan Amorim da Silva

0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou disso?

Tecnologia do Blogger.