quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Ser cheio ou ser participante?


O verdadeiro cristianismo ensinado por Jesus é um Evangelho prático. O homem se arrepende, é transformado pelo poder de Deus e produz frutos bons. É identificado com Jesus, que é manso e humilde, misericordioso e é revestido do Espírito Santo. Ora e vigia constantemente para viver em pureza e santidade.

CUIDADO COM O PECADO
O diabo sente prazer em enganar a muitos, fazendo-os acreditar que nem tudo é pecado, trazendo confusão sobre o que é certo e o que é errado, o que agrada a Deus e o que é condenado por Ele.
Paulo foi muito claro quando escreveu aos romanos sobre o assunto

Assim também vós considerai-vos como mortos para o pecado, mas vivos para Deus em Cristo Jesus nosso Senhor.Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para lhe obedecerdes em suas concupiscências;Nem tampouco apresenteis os vossos membros ao pecado por instrumentos de iniqüidade; mas apresentai-vos a Deus, como vivos dentre mortos, e os vossos membros a Deus, como instrumentos de justiça.Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça. Romanos 6:11-14

Se alguém quer ser identificado como cristão deve pensar, sentir e agir como o Senhor. Ser cheio do Espírito Santo a fim de que Seu fruto seja achado na pessoa.
É preciso que se faça diferença entre "ser cheio do Espírito Santo"  e "participante do movimento do Espírito".
Ser cheio significa deixar-se dominar por Ele. Dar todo o nosso coração para Ele.
Ser participante do movimento do Espírito é diferente.



O cristão não pode viver somente experimentando a Presença do Espírito Santo em alguns momento, Ele deve estar presente no nosso dia a dia. É preciso um RELACIONAMENTO diário e íntimo.



Deus abençoe, queridões
No amor de Cristo,


Fernanda Ventura



0 comentários:

Postar um comentário

O que você achou disso?

Tecnologia do Blogger.