quarta-feira, 19 de julho de 2017

Boa Noite pessoal. 
Bom hoje é a primeira vez que escrevo nesse blog, e é com muita alegria que faço isso, espero de alguma forma com as postagens  que farei aqui ajudar algumas pessoas, bom hoje quero compartilhar com vocês algo que o Espírito Santo vem ministração ao meu Espírito fortemente.
Hoje ao acordar lembrei de uma passagem na Bíblia que diz que temos que entregar o nosso caminho ao Senhor.
"Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e Ele tudo fará. " Salmos 37:5"
Quando o salmista diz "entrega o teu caminho ao Senhor", ele quer dizer ENTREGA TUDO AO SENHOR.
E pensei, será que estamos realmente entregando tudo ao Senhor ? TODAS as áreas de nossa vida, seja emocional, familiar, financeira, sentimental enfim todas as área, bom temos  que entender que é entregar TUDO, TUDO MESMO, e entender que Deus vai cuidar de tudo. Mas porque nos temos que entregar, Ele é Deus poderia muito bem tomar conta e pronto, mas não é assim, o Senhor não é um Deus intruso que entra tomando conta das coisas, colocando tudo no lugar, ele só entra, só começa a trabalhar em nossas vidas se nós permitirmos.
Vamos analisar uma situação, pensa comigo ...

Costumamos orar assim né "DEUS ENTREGO TUDO EM TUAS MÃOS" ... logo Deus já pensa "Opa, olha meu filho (minha filha) entregou tudo nas minhas mãos, vou cuidar de tudo". assim o Senhor começa a tratar as áreas de nossa vida, começa na área familiar e nós "Olha, que lindo, como Deus é bom, está cuidando da minha família ", ai ele começa a tratar as finanças, a área financeira e nós "Opaaa...ah ta nas mãos de Deus" e Deus continua a trabalhar em nossas vidas,e começa a tratar os nossos sentimentos ... NÃO, PODE PARAR, SENTIMENTO NÃO ! OH DEUS O SENHOR PODE CUIDAR DE TUDO MENOS O SENTIMENTAL, O SENTIMENTAL CUIDO EU... E assim não deixamos o Senhor cuidar de tudo ,pois, NÃO ENTREGAMOS TUDO AO SENHOR, ENTREGAMOS APENAS O QUE QUEREMOS QUE DEUS TOME CONTA, MAS DEUS QUER TOMAR CONTA DE TODA A SUA VIDA !!
 Quando entendermos isso vamos ver que é a melhor escolha de nossa vida, ENTREGAR TUDO A DEUS, e assim vamos ver o verdadeiro agir de Deus em nossas vidas.
Na historia acima, citei a área sentimental como exemplo daquilo que não deixamos o Senhor cuidar,pois foi o que senti no meu coração, mas cabe a você analisar qual a área você não tem deixado Deus cuidar e entregue verdadeiramente sua vida a Deus !!

Bom por hoje é isso, espero que esse pequeno texto tenha falado com você, pois falou falou grandemente comigo, até a próxima  .
Escrito por Merully Camargo 0 comentários
Continue lendo...

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Resultado de imagem para vai valer a penaJesus, independente do que ia acontecer disse VAI VALER A PENA .
eu sofrer e morrer no lugar daqueles que meu Pai e Eu tanto amamos. E essa amor era tão grande que Jesus ainda pediu perdão por aqueles que o maltrataram – Lc 23: 34. Jesus estava sozinho 
Mt 27: 46 por causa de todos os nossos pecados e Deus não podia mais estar com Ele, porque Deus não fica junto com o pecado. Não dá pra saber quem amou mais, se foi o Pai que deu seu Filho, ou o Filho que se entregou.

A questão sempre será? 
O que temos dado como resposta para o Seu sacrifício?
Jesus veio, se rendeu, carregou a Sua cruz e foi até o final por min e por você...
e você? qual tem sido a sua resposta sobre o sacrifício de Jesus?
Creia que vale apena, tudo que passamos aqui, um dia vamos olhar nos 
Olhos de Jesus e dizer:
SENHOR VALEU APENA



Escrito por Pedro Salinet Junior 0 comentários
Continue lendo...

quarta-feira, 12 de julho de 2017


Olá pessoal! Esse é o meu primeiro artigo aqui no blog e fico muito feliz de fazer parte dessa família. Eu oro a Deus para que cada texto publicado seja um instrumento de Deus para alcançar vidas que necessitam de uma resposta de oração, uma palavra amiga, de paz, conforto.

E hoje vamos falar sobre fé, talvez você algum dia já passou ou até mesmo esteja passando por circunstâncias onde teve que ter muita fé.

Mas ás vezes é tão difícil ter fé quando tudo ao seu redor lhe diz que é impossível, que não vai dar certo. E é nesse momento quando a fé esmorece e as forças diminuem é que precisamos ser fortes e confiar nos desígnios do senhor.

Pois a falta de fé faz com que nossa visão seja limitada, onde podemos enxergar apenas até onde nossa visão nos permite, é como quando olhamos para o horizonte cheio de montanhas e podemos olhar até o pico, porém não enxergamos o que está além.

A falta de fé gera o medo, o medo por sua vez nos paralisa, nos aprisiona.

A fé nos faz enxergar além daquilo que nossa visão permite. A fé gera coragem para que venhamos prosseguir na caminhada e não paremos no meio do caminho.

Na bíblia encontramos um homem que teve fé e não se deixou dominar pelas adversidades contrárias, o seu nome é Jairo e talvez você já até tenha ouvido falar de sua estória:

E eis que chegou um dos principais da sinagoga, por nome Jairo, e, vendo-o, prostrou-se aos seus pés, E rogava-lhe muito, dizendo: Minha filha está à morte; rogo-te que venhas e lhe imponhas as mãos, para que sare, e viva. E foi com ele, e seguia-o uma grande multidão, que o apertava. (Marcos 5:22-24).
Estando ele ainda falando, chegaram alguns do principal da sinagoga, a quem disseram: A tua filha está morta; para que enfadas mais o Mestre? E Jesus, tendo ouvido estas palavras, disse ao principal da sinagoga: Não temas, crê somente. (Marcos 5:35,36).

Jairo já sofria há anos pela doença de sua filhinha, e quando ouviu falar de Jesus não perdeu tempo e se achegou até ele. Nesse momento venho o primeiro empecilho: a multidão.

Porém ele não desistiu e persistiu até que venho outro empecilho: a notícia que sua filha tinha morrido. E Novamente poderia ter desistido e pensado não vale mais a pena, não há mais saída!

Porém ele insistiu como podemos perceber quando as pessoas o indagavam: Ei sua filha já morreu, porque está aí incomodando o mestre ainda?

Talvez você esteja na mesma situação de Jairo necessitando ardentemente de uma resposta de Deus, de um milagre.

Mas Deus nos dá a mesma resposta que deu para Jairo: Não temas, crê somente!

Será que em meio a adversidades você tende a desistir facilmente? Será que a dor é tão grande que te impede de se achegar ao seu paizinho?

Pare e escute as palavras que o Senhor lhe diz: NÃO TEMAS, CRÊ SOMENTE!

Que assim como Jairo que olhou além da multidão, além de uma notícia triste e contemplou o milagre, que assim você e eu possamos olhar além das adversidades e venhamos contemplar as bênçãos que vêm de Jesus Cristo!

Que Deus te abençoe!!

Até breve!



Escrito por Estephanie 0 comentários
Continue lendo...

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Resultado de imagem para REFLEXÃO“Por seus frutos os conhecereis. 
Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos? Assim, toda árvore boa produz bons frutos, e toda árvore má produz frutos maus.
Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons.
Toda árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo.
Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.
Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade. (Mateus 7:16-23)
Escrito por Pedro Salinet Junior 0 comentários
Continue lendo...

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Resultado de imagem para alcançar o impossível1. Encare os desafios com coragem e fé – Josué 10. 5,6 

1.1. Os maiores desafios surgem como resposta às maiores Necessidades
1.2. Frequentemente problemas são gerados por erros cometidos
1.2. A responsabilidade nos impele a aceitar novos desafios

2. Dedique o que você tem de melhor – Josué 10. 7ª

2.1. A conquista do improvável requer dedicação integral
2.2. A dedicação integral atrai o favor divino
2.3. A concentração no prioritário garante o foco necessário para a vitória

3. Julgue o desafio baseado em Deus e não em sua capacidade – Josué 10. 8

3.1. Encare os problemas como oportunidades.
3.2. Veja as dificuldades pelos olhos da fé
3.3. Confie totalmente em Deus

4. Espere a intervenção sobrenatural de Deus – Josué 10.10,11

4.1. Deus responde aos que chamam por Ele
4.2. Deus se revela aos que o buscam
4.3. Deus socorre os que nele confiam

5. Transforme a realidade por meio da fé – Josué 10.12,13.

5.1. A fé cura o passado
5.2. A fé muda o presente
5.3. A fé previne o futuro

A conquista do impossível em Deus é possível

Escrito por Pedro Salinet Junior 0 comentários
Continue lendo...

quarta-feira, 7 de junho de 2017


Bem sei, meu Deus, que tu provas os corações e que da sinceridade te agradas; eu também, na sinceridade de meu coração, dei voluntariamente todas estas coisas; acabo de ver com alegria que o teu povo, que se acha aqui, te faz ofertas voluntariamente. 2 Cr 29:17

Deus é um Pai perfeito. E podemos imaginar que um Pai perfeito espera de nós a perfeição.

Mas o nosso Pai em sua infinita sabedoria e amor, sabe quem somos, que somos falhos, pecadores e constantemente lutamos para sermos pessoas melhores.

Acima de tudo, o que mais chama a atenção do nosso Pai é a sinceridade!

Sim, um coração sincero, o agrada mais que tudo.

A sinceridade é a base de um relacionamento. Todo amigo, pai, esposo espera que exista uma transparência.

Nosso Pai quer que sejamos sinceros, mesmo que Ele saiba tudo o que acontece conosco, Ele quer ouvir da nossa própria boca o que tem acontecido com a gente.A nossa cura e mudança virá através da nossa sinceridade e transparência diante dele.

Se erramos, ele não se importa com isso, pois ele sabe que erramos, mas ele quer ver como reagiremos depois do erro, se o nosso coração quer mudar ou se queremos nos esconder dele.

Adão quando pecou se escondeu de Deus. Ele poderia ter se exposto e dito a verdade, pois era isso que Deus queria ouvir dele. Mas o medo e a vergonha o fizeram se esconder.

Ele respondeu: Ouvi a tua voz no jardim, e, porque estava nu, tive medo, e me escondi.   Gn 3:10

Davi porém quando confrontado pelo Profeta Natã  por causa do seu pecado, reconheceu que estava errado.

Então, disse Davi a Natã: Pequei contra o Senhor. Disse Natã a Davi: Também o Senhor te perdoou o teu pecado; não morrerás. 2 Sm 12:13


Todos os homens que foram sinceros com Deus, diante de suas falhas experimentaram um relacionamento profundo, porém todos que buscaram se esconder dele a cada dia se distanciavam mais.

Temos vários exemplos na bíblia de homens sinceros que experimentaram de um relacionamento profundo com Deus: Davi, Ap. Paulo, Jó entre outros.

Mas também temos exemplos de homens que a medida que achavam que estavam se escondendo de Deus, mais distantes ficavam dele: Adão, Caim, Saul ente outros.

Deus, é o nosso Pai e ele é um Pai de amor. O seu amor não age no medo.

No amor não existe medo; antes, o perfeito amor lança fora o medo. Ora, o medo produz tormento; logo, aquele que teme não é aperfeiçoado no amor. 1 Jo 4:18

O medo de se expor para Deus nos priva de um relacionamento com ele.

Reflita:

Tenho cultivado um relacionamento com Deus baseado na sinceridade?
Tenho vivido meus dias reconhecendo os sentimentos mais escondidos do meu coração diante de Deus?

A medida que nos aproximamos de Deus em sinceridade de coração, ele se revelará a nós!

Sacrifícios agradáveis a Deus são o espírito quebrantado; coração compungido e contrito, não o desprezarás, ó Deus. Sl 51:17

Tenham uma ótima semana!





Escrito por Cristiany Honorato 0 comentários
Continue lendo...

terça-feira, 30 de maio de 2017


Resultado de imagem para 27 formas de ser feliz segundo a Bíblia1) Bem-aventurado é o homem a quem Deus disciplina (Jó 5:17) 
Ser corrigido pelo Pai é muito melhor do que ser corrigido pelo mundo ou pelo mal (que nunca, na verdade, quer nos corrigir para o nosso crescimento). A felicidade está em saber que Deus sabe o que é certo e corrige a quem ama.

2) Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. (Salmos 1:1)
O mundo nos oferece muitos caminhos. E vários desses são apresentados como bons caminhos, caminhos que trazem felicidade. Mas o único caminho de felicidade plena é não andar no mesmo caminho dos pecadores. Quem consegue passar longe desses caminhos será feliz.

3) Bem-aventurados todos os que nele se refugiam. (Salmos 2:12)
Todos nós precisamos de um refúgio. Um lugar onde possamos nos abrigar com segurança dos perigos da vida. Aquele que se abriga em Deus é mais feliz do que aquele que procura abrigo em outras coisas que fingem que oferecem uma proteção eficaz e verdadeira.

4) Bem-aventurado aquele cuja iniquidade é perdoada, cujo pecado é coberto (Salmos 32:1)
Todos pecamos. Não há um único ser humano que consiga viver sem pecar. Os infelizes sofrem pelo peso que seus pecados impõem sobre eles. Os felizes se arrependem, são perdoados por Deus e podem voltar a sorrir sem esse peso nas costas.

5) Bem-aventurado o homem a quem o SENHOR não atribui iniquidade e em cujo espírito não há dolo (Salmos 32:2)
Apesar de sermos pecadores não precisamos viver na prática do pecado. O pecado deve ser como um acidente de percurso que buscamos com diligência que não aconteça. Quem age dessa forma recebe de Deus uma alegria grandiosa.

6) Bem-aventurado o homem que põe no SENHOR a sua confiança (Salmos 40:4)
Podemos confiar em muitas coisas. Confiar é ter fé em algo ou alguém. A pessoa feliz deposita sua fé na pessoa certa, ou seja, em Deus. Essa confiança traz alegria, pois Deus não pode falhar.

7) Bem-aventurado o que acode ao necessitado (Salmos 41:1)
Deus não nos criou para viermos como uma ilha. Temos semelhantes à nossa volta que estão em condições, muitas vezes, piores do que as nossas. Ajudar o próximo, acudi-lo em sua necessidade é trazer alegria para a vida. Dar é melhor do que receber, pois quem dá é porque tem o que oferecer.

8) Bem-aventurados os que habitam em tua casa; louvam-te perpetuamente (Salmos 84:4)
No Antigo Testamento o templo era chamado de casa de Deus. Era o lugar onde estava a presença de Deus e onde o povo ia para cultuá-Lo. Apesar de Deus estar em todos os lugares, sabemos que a principal casa do Senhor é o nosso coração. Nutrir a presença de Deus em nós é alegria certa, é louvor nos lábios.

9) Bem-aventurado o homem cuja força está em ti (Salmos 84:5)
Precisamos de força para realizar nossos planos. Precisamos de força para viver. A primeira coisa que alguém que está doente relata é a perda de suas forças, de seu ânimo, de sua alegria. Colocar a nossa força em Deus é garantia de que estaremos fortes mesmo em meio as nossas fraquezas.

10) Bem-aventurado o homem, SENHOR, a quem tu repreendes (Salmos 94:12)
Deus é chamado na Bíblia de Pai. Uma das funções mais elementares de um pai é repreender comportamentos errados de um filho. Como filhos, nem sempre ficamos alegres quando somos repreendidos. Mas aquele que entende a repreensão de Deus é feliz.

11) Bem-aventurados os que guardam a retidão e o que pratica a justiça em todo tempo (Salmos 106:3)
Agir com verdade e justiça são marcas do verdadeiro filho de Deus. Quem se baseia nelas é mais feliz, pois age semelhantemente ao próprio Deus.

12) Aleluia! Bem-aventurado o homem que teme ao SENHOR (Salmos 112:1)
O temor do Senhor é a ponte que nos leva ao caminho da sabedoria. E, sabemos, a sabedoria é mais valiosa do que qualquer coisa. Por isso, quem teme a Deus experimenta uma alegria especial.
Irrepreensível é aquele que vive uma vida reta, com atitudes louváveis. Quem consegue viver dia a dia fazendo boas escolhas, escolhas que agradam a Deus, será uma pessoa muito mais feliz que as outras.

14) Bem-aventurado é o povo cujo Deus é o SENHOR! (Salmos 144:15)
O mundo diz que todos os caminhos levam a Deus. Deus diz que apenas um caminho leva a Ele. Quando fazemos de Deus o nosso único Deus e seguimos a Sua vontade andamos no verdadeiro caminho da alegria.

15) Bem-aventurado aquele que tem o Deus de Jacó por seu auxílio (Salmos 146:5)
Quem não precisa de ajuda em alguma coisa? É muito bom quando somos ajudados por alguém que fortalece a nossa força e nos torna capazes de crescer. Ter Deus como nosso auxílio é andar no caminho certo da vitória e da felicidade.

16) Bem-aventurados os humildes de espírito (Mateus 5:3)
Humilde é aquele que reconhece que não é autossuficiente. Deus resiste aqueles que são soberbos e orgulhosos e a felicidade deles é passageira e momentânea, pois não é firmada em Deus. Já aqueles que se colocam diante de Deus em posição de humildade recebem de Deus grandes alegrias.

17) Bem-aventurados os que choram (Mateus 5:4)
O choro não é contrário a alegria como muitos pensam. O choro em muitas ocasiões é necessário para restaurar a alegria. Como quando, por exemplo, pecamos ou estamos afastados de Deus, ou quando injustiças estão diante de nós. Nessas ocasiões é necessário chorar para que a alegria seja renovada.

18) Bem-aventurados os mansos (Mateus 5:5)
Mansidão é a capacidade de agir com delicadeza, com amor, com carinho. Enquanto alguns queriam apedrejar uma mulher pega em adultério, Jesus foi manso e transformou a vida dela. Quem é manso transforma vidas ao seu redor e recebe muita alegria pelo que dá as pessoas.

19) Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça (Mateus 5:6)
Não existe felicidade duradoura na injustiça. Ver a justiça sendo erguida é motivo de alegria. Procurar que essa justiça seja feita em todas as ocasiões que dependam de nós é uma alegria para o coração do que é justo.

20) Bem-aventurados os misericordiosos (Mateus 5:7)
Vivemos em um tempo de muitos corações maus. A misericórdia, que nos faz ter atos de bondade sem esperar nada em troca, é um poderoso combustível que produz alegria, pois os misericordiosos podem ver o poder que ela exerce em nós e através de nós nos outros.

21) Bem-aventurados os limpos de coração (Mateus 5:8)
Estamos em meio a sociedade da malícia. É cada vez mais difícil encontrar pessoas que tenham pureza em seus corações. Fingir ser puro não é o mesmo que ter um coração puro. Deus sonda os corações e conhece a verdade de cada coração. Um coração limpo é a casa onde Deus habita e de onde brota todo tipo de alegria vinda Dele.

22) Bem-aventurados os pacificadores (Mateus 5:9)
As guerras acontecem por muitos motivos. E a maioria desses motivos tem a ver com o egoísmo e a falta de amor do ser humano. Enganam-se os que acham que há somente guerras em campos de batalha. Às vezes travamos guerras na família, no trabalho, na escola, na igreja, etc., porque não somos promovedores da paz. Quem promove a paz colhe muito mais alegria do que aqueles que se alegram em ver o circo pegar fogo.

23) Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça (Mateus 5:10)
Ser justo e buscar a justiça é o correto. Mas numa sociedade corrompida às vezes ser justo é ir contra os interesses de muitos. Mas mesmo assim, é feliz aquele que passa por perseguições porque faz o que é correto. Ele tem alegria em estar do lado certo, do lado de Deus.

24) Bem-aventurados os que não viram e creram (João 20:29)
Deus deseja ser crido pela fé. A fé é o elemento capaz de nos transformar de meros incrédulos em grandes servos de Deus. É mais feliz aquele que consegue colocar sua fé em prática e não depende de provas para crer na ação de Deus.

25) Bem-aventurado é aquele que não se condena naquilo que aprova (Romanos 14:22)
Fazer boas escolhas na vida é essencial. Aquele que busca com sabedoria fazer escolhas baseadas na palavra de Deus será feliz porque não terá do que se envergonhar das escolhas que faz, pois são escolhas alicerçadas em firmes fundamentos.

26) Bem-aventurado o homem que suporta, com perseverança, a provação (Tiago 1:12)
Muitos não conseguem ser felizes em meio as provações. Acham que felicidade e provação não se misturam. Porém, o servo de Deus consegue extrair da provação muito mais do que o sofrimento e, por isso, consegue ser feliz mesmo diante dela.

27) Bem-aventurados os mortos que, desde agora, morrem no Senhor (Apocalipse 14:13)
A maior felicidade de todas é saber que essa vida não é o fim. A morte não acaba com tudo. Aqueles que morrem sem Deus sofrerão sem Deus na eternidade. Aqueles que morrem na presença de Deus, pois creram em Jesus em vida, continuarão a sua felicidade eternamente na presença de Deus! Que alegria saber disso!
Um dia voltaremos ao nosso lugar de origem!!!!


Escrito por Pedro Salinet Junior 0 comentários
Continue lendo...

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Somos filhos Deus.

Então consequentemente se somos filhos de Deus Ele é o nosso Pai.

Nosso Pai Celestial reina, em um reino não feito por mãos humanas, não é um reino igual ao da Rainha Elisabeth que possui casas, posses, um país só dela, algo físico.

Nosso Pai possui um Reino invisível que está dentro daquele que o recebe como Pai e Rei.  Lucas 17:20-21

Nesse Reino (assim como em todo o Reino), existem princípios que o nosso Pai estabeleceu e que precisamos viver.
São vários esses princípios, a maioria deles são incompreendidos pelo sistema que rege esse mundo.
Vamos Falar de um deles hoje.
Ele se chama caráter.
Mas para falarmos de caráter, precisamos também saber o que é o oposto dele: o seja -  a Reputação.

Vamos fazer uma comparação entre Caráter e Reputação.

Os dois ainda confundem a muitos, pois parecem ser a mesma coisa, mas na verdade são totalmente opostos.

Vamos falar um pouco deles:

Significado Caráter:  Caráter é um conjunto de características e traços relativos à maneira de agir e de reagir de um indivíduo ou de um grupo. É um feitio moral. É a firmeza e coerência de atitudes.
Os pensamentos resumem o ser, e assim definem o caráter de um indivíduo. Explicar...

Significado Reputação: Reputação (do latim reputatione) é a opinião (ou, mais tecnicamente, uma avaliação social) do público em relação a uma pessoa, um grupo de pessoas ou uma organização. Constitui-se num importante fator em muitos campos, tais como negócios, comunidades online ou status social.
Conceito obtido por uma pessoa através do público ou da sociedade em que vive. 

Resumindo...

Caráter é aquilo que você é, reputação é apenas o que os outros pensam que você é.
Reputação é o que as pessoas pensam ao meu respeito. Caráter é o que eu sou quando ninguém está me olhando.
O caráter de um homem é a realidade dele mesmo. Já a reputação é a opinião que as pessoas formaram a seu respeito. O caráter está nele; A reputação está nos outros, o caráter é a substância, a reputação é a sombra.
Caráter é igual a sangue: é único; e está dentro da pessoa
Reputação é igual a roupa: existem várias; cobre o corpo; suja; mancha; rasga; e com passar do tempo, não serve mais.
A reputação atrai Homens, mas o caráter atrai a Deus.
Caráter é o que Deus vê, reputação é o que os homens veem.

Deus não se preocupa com o que somos diante de homens mas o que somos quando estamos sozinhos, pois ali agimos como realmente somos, sem disfarces, mentiras e mascarás.

Vamos Ver um exemplo:

Atos 4:32 – 5:11.

Muitos já sabem dessa história. Após Jesus subir ao céu as igreja continuou, com união, força e unção, todos tinham tudo em comum, não existia um mais rico ou mais pobre entre a comunidade.
Todo a renda era depositada aos pés dos apóstolos e eles repartiam de acordo com a necessidade de cada um. V. 35
Um homem Chamado Barnabé, vendeu um campo e depositou todo o dinheiro do campo aos pés dos apóstolos e eles dividiam entre a igreja.
Mas, existia um casal Ananias e Safira, eles assim como Barnabé, venderam um campo, mas entraram em acordo e pegaram parte desse dinheiro para eles e o resto levaram aos apóstolos.
Eles mentiram, acreditando que jamais seriam descobertos, mas aí vem nosso Deus, que não existe nada que fique escondido diante dele e revelou para Pedro a mentira. Ananias como consequência morre instantaneamente v. 5. Pois como Pedro disse no v. 4: Não mentiste aos homens mas a Deus.
Depois de um tempo a esposa de Ananias vem e Pedro pergunta se realmente eles tinham vendido o campo pelo valor que depositaram, e safira mente também. E como consequência tem o mesmo fim do seu marido.
Queridos. Essa história não é bem vista e nem muito pregada, mas faz parte da palavra e Deus quis que aprendêssemos dela.
Ananias e Safira agiram diferente de Barnabé. Eles mentiram, pensando não no que Deus via mas no que Pedro via e pensaria a respeito deles.
Em seu coração existia a preocupação com o que a igreja e os apóstolos iam pensar, mas em nenhum momento se preocuparam com a opinião de Deus.
Eles infelizmente se preocuparam com a reputação e não com o caráter.
Diante de Deus, o que prevalece é o caráter. Deus não liga para o que pensam ou dizem ao nosso respeito mas ao que somos quando ninguém vê.
A reputação é algo externo.
Mas o caráter é interno.
Quando falamos em caráter, falamos do nosso coração. Não estou falando daquele órgão que pulsa sangue que é de carne, mas do centro da nossa vida, a fonte de nosso pensamento e vontade.
Deus não vê como o homem vê Deus olha quem somos, já o homem olha o que aparentamos ser. 1 Sm 16:7.
Jesus dizia ao povo: Tenham o cuidado de não praticar suas ‘obras de justiça’ diante dos outros para serem vistos por eles. Se fizerem isso, vocês não terão nenhuma recompensa do Pai celestial.
Mateus 6:1
E, quando orares, não sejas como os hipócritas; pois se comprazem em orar em pé nas sinagogas, e às esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão.
Mas tu, quando orares, entra no teu aposento e, fechando a tua porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente.

Mateus 6:5-6
Deus valoriza o que somos no secreto, por isso Jesus falava tanto sobre isso.
Se o focarmos na nossa reputação, não iremos focar no nosso caráter.
Jesus não estava nem ai para a sua reputação, por diversas vezes as pessoas falavam mal dele dizendo que ele era um filho de carpinteiro, um endemoninhado, um comilão e beberrão. Jo 10:20-21, Jo 8:49,52, Mt 11:19, Mc 6:3.
Jesus se preocupava em fazer a vontade de Deus. João 4:34, João 6:38, João 5:30, Lucas 22:42.
  
Diante de tudo isso vem a pergunta:
Quem somos quando ninguém nos vê?
Será que se Deus pegasse o nosso interior e expusesse diante de nós, vizinhos e irmãos será que seríamos envergonhados?

Muitas vezes Deus irá nos colocar em momentos de pressão para revelar o que está em nosso coração.
E te lembrarás de todo o caminho, pelo qual o Senhor teu Deus te guiou no deserto estes quarenta anos, para te humilhar, e te provar, para saber o que estava no teu coração, se guardarias os seus mandamentos, ou não.
Deuteronômio 8:2

Deus fez isso com o povo de Israel e fará também conosco quantas vezes forem necessárias.

Agiremos e reagiremos sempre de acordo com o que somos e não com o que aparentamos.

É uma gaveta que fecha em nosso dedo, é o dedinho do pé que bate no pé da mesa, é uma correção vinda do nosso pastor, é quando somos contrariados que sabemos o que está em nosso coração.

Deus sonda os nossos corações e não nossa reputação. Jr 17:10

Deus age como um oleiro que ao analisar o vaso, vendo que ele está rachado quebra e faz de novo.
A palavra do SENHOR, que veio a Jeremias, dizendo:
Levanta-te, e desce à casa do oleiro, e lá te farei ouvir as minhas palavras.
E desci à casa do oleiro, e eis que ele estava fazendo a sua obra sobre as rodas, como o vaso, que ele fazia de barro, quebrou-se na mão do oleiro, tornou a fazer dele outro vaso, conforme o que pareceu bem aos olhos do oleiro fazer.
Então veio a mim a palavra do Senhor, dizendo:
Não poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? diz o Senhor. Eis que, como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na minha mão, ó casa de Israel. Jeremias 18:1-6


Deus não reforma vaso ele quebra e faz de novo.
Deus não olha para a beleza do vaso, não adianta questionarmos a Deus dizendo:
Pai eu levei tantos anos para conquistar essa reputação, olha como sou um vaso bonitinho... Não aceito ser quebrado.

Deus não olha para a beleza do vaso, ele olha para a condição do vaso.
Ele sonda nosso interior e se ele ver que não estamos aptos para sermos usados por ele, ele vem e nos quebra e nos faz de novo. Quantas vezes forem necessárias, quantas vezes foram necessárias, quantas vezes forem necessárias...

E nessa hora, na hora da quebra e recriação do vaso, que serão necessárias a renúncia de nossa vontade, renúncia de um cargo, de um título, de um namoro, de horas e horas na internet de coisas que irão nos custar e que não agradam a Deus, pois como disse Deus irá nos quebrar e refazer quantas vezes forem necessárias.

Davi e Saul são um exemplo claro disso.

Os Dois pecaram, mas o posicionamento dos dois diante da quebra e reconstrução foram diferentes:

-Saul teve medo de perder o reino, não aceitando a quebra e a reconstrução de Deus. 1 Sm 18:6-8
(Após Davi ter pecado com Bate-seba, ele pediu para que deus não retirasse dele a Sua presença)

- Davi não se importou em perder uma posição de rei, se preocupou em perder o espírito Santo. Sl 51:10-11
(Após Saul ter desobedecido a Deus, Saul foi quebrado por Deus ao perder seu reino e ao ver q Davi estava sendo melhor que ele, teve medo de perder o reino)

Reputação não sustenta unção somente o caráter sustenta.

Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. (Coisas internas caráter.)
Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas? (Coisas externas- reputação)
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade.

Mateus 7:21-23
O fato de ir domingo a domingo na igreja não me faz ser Verdadeiro Filho de Deus. Mas fazer a sua Vontade ser verdadeiro quando ninguém me vê isso me faz ser d’Ele.

Sem caráter as coisas não vão fluir em nós. Deus sabe quem somos e isso é o que mais vale.


Quem queremos ser?
Pessoas que buscam viver uma boa reputação, tendo elogios tais como: Como ele prega, como ele canta, como ele toca, ele é uma benção....
Ou buscar viver um caráter admirável por Deus, mesmo que muitos façam conosco o que fizeram com Jesus, zombando de nós?

Esse é o caminho que Deus tem nos mostrado...

E o passo a ser dado é reconhecermos nosso pecado, reconhecermos que não somos os “santos”, mas pecadores buscando sermos e aceitando sermos quebrados e moldados por Deus.

Escrito por Cristiany Honorato 0 comentários
Continue lendo...

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Hoje vamos falar sobre: Parasitas!

Você já assistiu aquele programa que passa na Discovery Channel que se chama: Parasitas assassinos?


Confesso que é um programa nojento, assisti poucas vezes, pois na maioria das vezes meu esposo insistia em assistir bem na hora que eu estava comendo, era nojento mesmo, mas as poucas vezes que assisti, por incrível que pareça, aprendi algumas coisas com esse programa, coisa não só físicas, mas espirituais.

Vamos falar um pouco dos parasitas:

Parasitas são organismos que vivem em associação com outros dos quais retiram os meios para a sua sobrevivência, normalmente prejudicando o organismo hospedeiro, um processo conhecido por parasitismo.
Todas as doenças infecciosas e as infestações dos animais e das plantas são causadas por seres considerados parasitas.
O efeito de um parasita no hospedeiro pode ser mínimo, sem lhe afetar as funções vitais, como é o caso dos piolhos, ou até poder causar a sua morte, como é o caso de muitos vírus e bactérias patogênicas. Neste caso extremo, o parasita normalmente morre com o seu hospedeiro, mas em muitos casos, o parasita pode ter-se reproduzido e disseminado os seus descendentes, que podem ter infestado outros hospedeiros, perpetuando assim a espécie, como no caso do Plasmodium.
Fonte: Wikipédia.
Existem vários tipos de parasitas e vários tipos de seres vivos são atingidos por eles, vou me deter a falar hoje somente sobre os parasitas de árvores.
Exemplo: Erva-de-passarinho, cochonilha, broca, pulgão, ácaro, ferrugem e cupim.
Em Hebreus 6:7-8 diz:

“Porque a terra que embebe a chuva, que muitas vezes cai sobre ela, e produz erva proveitosa para aqueles por quem é lavrada, recebe a bênção de Deus; Mas a que produz espinhos e abrolhos, é reprovada, e perto está da maldição; o seu fim é ser queimada.” Ou seja, se produz mato e espinhos em outras palavras "Parasitas", não serve para nada; ela corre o perigo de ser amaldiçoada por Deus e acaba sendo queimada.

Em João 15:1-2 diz:
“Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador.
Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.”

Em Lucas 6:44 diz:
“Porque cada árvore se conhece pelo seu próprio fruto; pois não se colhem figos dos espinheiros, nem se vindimam uvas dos abrolhos.”

Em Hebreus 12:15 diz:
“Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem.”

Quando estamos dispostos a crescer e a aprender em Deus ele vem, olha pra nós, vê nossas falhas e inicia sua obra assim como um lavrador que deseja cuidar de uma árvore.
Muitas vezes assim como em arvores, parasitas se aproximam de nós e a princípio nos parecem inofensivos, por esta razão, não nos importamos em retira-los de nossas vidas, porém com o tempo eles tomam uma proporção tão grande sobre nós ao ponto de retirar de nós toda a vida que nos fazia sermos fortes, e produtivos.

No final vemos que eles nos dominam e que não resta mais vida em nos.
 
Aquela árvore (vida) que tinha beleza, força, que fornecia alimento e refúgio e sombra, está seca, sem vida e sem esperanças.

Mas quem são esses parasitas?
Esses parasitas, são tudo aquilo que nos impedem de permanecermos em Cristo: pessoas, coisas, sentimentos destrutivos, lembranças ruins, orgulho, mágoas, medos , frustrações, desejo de ser visto e notado e que ao não acontecer nos consome, palavras doloridas que nos disseram e não queremos esquecer, relacionamentos que acabaram e não conseguimos nos desprender, perdas diversas, comparações com pessoas, falta de identidade, vícios, compulsões (sejam por coisas químicas, alimentos, compras, hábitos) entre outras coisas – tudo aquilo que nos tira a vida: vivemos em função delas e elas não nos beneficiam, apenas nos sugam.
  
Como tirar os parasitas?
A presença da praga exige, além da poda radical da árvore, a aplicação de adubo e fertilizante, de modo a acelerar seu processo de recuperação. “Muitas pessoas não entendem o processo, mas, muitas vezes, a poda radical é o único recurso para salvar a árvore, permitindo que viva de forma saudável e por muito mais tempo”.

O processo não será do dia para a noite - após identificar precisamos entender que não será na nossa força que iremos eliminá-los, portanto, não tenha pressa, quando queremos que as coisas aconteçam rápido, na maioria das vezes existe o dedo do nosso ego e não a mão de Deus em nossa vida, não faça nada na força do seu braço, peça ajuda de Deus.

4 Processos para eliminar os parasitas de nossa vida:

1- Identifique- sem identificação jamais saberemos que eles estão em nossas vidas. Muitos identificam os parasitas quando já estão em um estágio avançado: quando você está morrendo na fé. Mas nunca é tarde para identificá-los e começar o processo de elimina-los.
Porque eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim. Salmos 51:3

2- Reconheça- não tente fugir da realidade, se esse parasita existe encare a verdade, só assim você estará dando o passo inicial para a sua libertação e cura.
Então disse Natã a Davi: Tu és este homem. Assim diz o Senhor Deus de Israel: Eu te ungi rei sobre Israel, e eu te livrei das mãos de Saul; 2 Samuel 12:7

Nessa parte quem mostrou o pecado para Davi foi o profeta Natã, algumas vezes, Deus vai usar, pessoas, líderes, circunstâncias para facilitar a identificação desse parasita outas vezes nós mesmos identificaremos.

3- Confesse- chegue até Deus e mostre pra ele com toda a sinceridade qual é o parasita que está em sua vida.
Confessei-te o meu pecado, e a minha maldade não encobri. Dizia eu: Confessarei ao Senhor as minhas transgressões; e tu perdoaste a maldade do meu pecado. Salmos 32:5

Muitas vezes será necessário confessar para a liderança, a confissão traz cura.
Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis.  Tiago 5:16(parte a)
Confesse e você recebera o perdão, a cura e ira experimentar da misericórdia e da graça de Deus.

4-Mude sua mente- Não basta executar todos esses três passos e receber o perdão de Deus, precisamos mudar a nossa atitude e nos afastar de tudo aquilo que pode nos reaproximar desses parasitas.
O processo da poda e limpeza da árvore por mais dolorido que seja, sempre e o melhor a ser feito para a árvore.


Que possamos permitir, que o nosso lavrador Jesus, nos encontre, olhe nossas falhas e nos limpe, nos pode e arranque de nós todos os parasitas que mesmo sem perceber estão sugando nossas vidas e nos impedindo de sermos quem realmente nascemos para ser e assim possamos produzir frutos que glorifique ao nosso Criador e Pai que traçou pra nos antes mesmo de existirmos um proposito e uma história extraordinária!
Escrito por Cristiany Honorato 0 comentários
Continue lendo...
Tecnologia do Blogger.